domingo, 6 de fevereiro de 2011

Richard Dawkins e o papa.

.



Rápido e simplesmente brilhante discurso do Dr. Richard Dawkins por ocasião da visita do papa à Edimburgo. Sua “santidade” havia acabado de culpar o ateísmo pelos crimes nazistas, uma bobagem sem tamanho quando lembramos que Hitler era católico praticante e Dawkins aborda muito bem o assunto.
Em outro ponto diz, sobre os mitos cristãos:

Pecado original significa que a partir do momento em que nascemos somos maus, corruptos e condenados, a menos que acreditemos no deus deles. Ou a menos que caiamos no conto da “cenoura” do céu e do castigo do inferno. Somos todos monstros a menos que sejamos redimidos por Jesus. Que teoria vil, depravada e desumana em que se basear a vida.

Sobre o papa:

Ele é inimigo das crianças, cujos corpos ele permitiu que fossem estuprados e cujas mentes encorajou que fossem infectadas pela culpa. Fica embaraçosamente evidente que a igreja se preocupa menos em salvar os corpos das crianças dos estupradores do que em salvar as almas dos padres do inferno.

Vale a pena assistir, são apenas 9 minutos mas de pura e brilhante lógica anti religiosa.

13 comentários:

  1. "Somos todos monstros, a menos que sejamos
    redimidos por Jesus. Que teoria vil, depravada
    e desumana em que se basear a vida"
    (Richard Dawkins)
    Essa frase me emocionou profundamente.
    Abraços, Lineu
    Galvão(o ateuzão)

    ResponderExcluir
  2. Galvão, Dawkins é uma das mentes mais brilhantes da ciência contemporânea, ele também me emociona com sua lucidez.

    ResponderExcluir
  3. hahaha
    O Dawkins emociona-te?! lol

    ResponderExcluir
  4. Oi, Mats... como vai? Sim, mentes claras e geniais me emocionam, a ciência me emociona, as descobertas e a evolução da humanidade também. E você, o que te emociona? Cobras falantes, virgens parindo, dilúvios universais?

    ResponderExcluir
  5. Dawkins is the man ...

    We need more of a 12 Dawkins...around the world!

    THE WORLD WOULD BE MORE LUCID !

    Sds
    André Petrillo

    ResponderExcluir
  6. ...com 12 Dawkins já daria uma ceia, que nada teria de santa!

    ResponderExcluir
  7. Dawkins mostrou toda a sua raiva enrustida contra a Igreja e o Papa. Querem aparentar uma sabedoria, uma erudição, uma educação e uma veia democrática que não possuem. Assim era nos amtigos regimes comunistas ateus; a raiva é camuflada.
    A Igreja jamais disse que já nascemos todos "monstros", o que ela diz é que já nascemos sem os dons originais ( a força original que Deus nos deu para superarmos o erro e que foi perdida com o pecado ). É só olhar o mundo em nossa volta. Simples.
    Onde Dawkins foi buscar essa (mais uma !): "A Igreja admitindo que Adão nunca existiu ?!?

    As acusações, no que concerne à pedofilia na Igreja, não apresenta nenhuma novidade, só ódio enrustido.
    Ele deveria citar os milhões de assassinatos (inclusive contra crianças e famílias inteiras) perpetrados à sombra dos regimes ateus ultra-fechados.
    As filosofias de fundo ateísta, como por exemplo o racionalismo do século XIX; o marxismo - comunismo e nazismo, são perigosas porque alimentam sistemas desumanos que não respeitam a dignidade da pessoa humana, como mostrou muito bem a história recente do século XX. Dezenas de milhões foram assassinados no século XX em nome dessas ideologias sem Deus. A negação de Deus leva ao desprezo pelo homem.
    Os filósofos sem fé fizeram muitos sofrerem.
    Marcuse levou muitos jovens ao suicídio. Schopenhauer, recalcado e vítima trágica das decepções, levou o pessimismo e a tristeza a muitos.
    O "Werther", de Goethe, induziu dezenas de jovens ao suicídio. "A Comédia Humana", de Balzac, levou muitos a trágicas condenações. Depois de ler "A Nova Heloísa", de Rosseau, uma jovem estourou os miolos numa praça de Genebra. Vários jovens suicidaram, em Moscou, depois de ler "Os Sete Que Se Enforcaram", de Leonid Andreiv.

    O Papa está certíssimo.

    ResponderExcluir
  8. Fernando, sua igreja acredita que por Eva ter ouvido a cobrinha e comido a maçãzinha TODOS os seres humanos dali para a frente nasceram "pecadores", com um tal de pecado original, que só seria eliminado quando deus mandasse seu filho para nos "salvar".
    Sinceramente, fica difícil prosseguir discutindo com quem acha uma lenda tola dessas uma verdade e renega o que é comprovado pela ciência, como a idade do universo ou a evolução.
    Comparar um cientista sério e genial como Dawkins com esse papa é piada sem graça, a história julgará...

    ResponderExcluir
  9. "Comparar um cientista sério e genial como Dawkins com esse papa é piada sem graça, a história julgará..." Diz você.

    Lineu, você sabia que "esse papa" é considerado um dos ( senão o mais ) homens mais inteligentes e cultos do nosso tempo ? Pra variar, já vi que não. Vocês acham que inteligência e genialidade só podem vir de homens da ciência, e por isso esnobam quem não é do meio. Essa é a típica soberba atéia, que vai cegando aos poucos e impedindo os ateus de admitirem que Deus existe, o que já é mais do que evidente para muita gente do meio científico.
    "A história julgará" ? Pois a história já julgou há muito tempo e concluiu sem dúvida alguma que o ateísmo só fez mal, e muito, para os seres humanos... em todos os sentidos.

    Lineu, o pecado original consiste no afastamento do homem da presença de Deus por mau uso de sua liberdade. Deus criou o homem para ser feliz em comunidade e não sozinho, criou o ser humano como uma família, para estarmos em comunhão uns com os outros; e isso com plena liberdade. Por isso o "vacilo", vamos dizer assim, de Adão e Eva (nossos antepassados) atingiu a todos.
    A sabedoria, a inteligência, a mansidão, a benevolência, o domínio de si, a piedade e o respeito a Deus... enfim, todos esses dons originais com que Deus nos presenteou, foram altamente enfraquecidos nos nossos primeiros pais. E, naturalmente, os seus descendentes também sofreram com isso; os dons iniciais não foram transmitidos a nós, isto é, não herdamos aquela pureza, aquele domínio de si, aquela fortaleza originais.
    Quantas coisas herdamos de nossos pais, avós e antepassados mais distantes ? Muitas, não só físicas, mas também manias, índoles, vícios, taras, etc, etc.
    Mas aí você vai perguntar : "E por quê o 'ser mágico' não fez uma mágica ("abracadabra") e fez que tudo voltasse como era antes ??

    Por que Deus nos criou para sermos livres, e não simples "marionetes" ou "robôs", em que se aperta um botão e ele faz o que a gente quer. Deus nos ama como seus filhos que somos, e não como coisas ou brinquedos.

    o Apóstolo paulo diz, em uma de suas cartas : "Se por um homem (Adão)o pecado entrou no mundo, agora, por um só homem vem a salvação".

    Deus é justo, e assim como Adão rompeu a amizade, agora tudo é reconciliado em Jesus Cristo. O erro de um homem é consertado por outro homem (não com uma varinha de condão ou um controle remoto do próprio criador), mas um homem dotado de todos aqueles dons iniciais que Adão havia perdido por puro orgulho e vaidade: fortaleza, domínio de si, benevolência, sabedoria, piedade, amor, misericórdia, e, acima de tudo, respeito e muito amor à Deus.
    E isso tudo Jesus tem. Ou não ?
    Sózinho o homem não consegue retornar à Deus, porém, Deus veio e tornou-se solidário com o homem em seu sofrimento, e aceitou como justiça a fé em Jesus Cristo, ou seja, aceitou reconciliar o homem em Jesus Cristo. Essa é a Justiça de Deus. Mas é preciso que o homem queira isso.

    ResponderExcluir
  10. O Apóstolo Paulo não era um homem ignorante e sem estudos, pelo contrário, era culto, erudito, formado na escola de Gamaliel; considerado uma das melhores mentes entre os judeus. Pois bem, ele aceitou e entendeu tudo isto, e de perseguidor feroz da igreja primitiva, passou a ser seu maior defensor, um dos maiores cristãos da história.

    Agora, Lineu... quer dizer que eu renego o que é comprovado pela ciência ?
    Você é que renega, Lineu, ... você é que renega.
    Quantas descobertas da ciência eu te mostrei aqui, que vão totalmente contra o quê proclama o ateísmo, e você nem sequer comentou ? Quantas?
    Eu não nego a evolução, mas sim a evolução pela evolução, sem uma inteligência criadora por trás. Mas também acho interessante o argumento dos criacionistas quanto aos outros testes para se verificar a idade da Terra, e você sabe disso porque já te falei lá atrás.

    Só uma observação : Repare bem naqueles caras que estão atrás do Dawkins... eles não te lembram aqueles ditadores do regime comunista ateu, frios e calculistas, prontos a dar um golpe de misericórdia em todos os cristãos, fechando igrejas e torturando e matando padres e religiosos ?

    ResponderExcluir
  11. "Comparar um cientista sério e genial como Dawkins com esse papa é piada sem graça, a história julgará..." Diz você.

    Lineu, você sabia que "esse papa" é considerado um dos ( senão o mais ) homens mais inteligentes e cultos do nosso tempo ? Pra variar, já vi que não. Vocês acham que inteligência e genialidade só podem vir de homens da ciência, e por isso esnobam quem não é do meio. Essa é a típica soberba atéia, que vai cegando aos poucos e impedindo os ateus de admitirem que Deus existe, o que já é mais do que evidente para muita gente do meio científico.
    "A história julgará" ? Pois a história já julgou há muito tempo e concluiu sem dúvida alguma que o ateísmo só fez mal, e muito, para os seres humanos... em todos os sentidos.

    Lineu, o pecado original consiste no afastamento do homem da presença de Deus por mau uso de sua liberdade. Deus criou o homem para ser feliz em comunidade e não sozinho, criou o ser humano como uma família, para estarmos em comunhão uns com os outros; e isso com plena liberdade. Por isso o "vacilo", vamos dizer assim, de Adão e Eva (nossos antepassados) atingiu a todos.
    A sabedoria, a inteligência, a mansidão, a benevolência, o domínio de si, a piedade e o respeito a Deus... enfim, todos esses dons originais com que Deus nos presenteou, foram altamente enfraquecidos nos nossos primeiros pais. E, naturalmente, os seus descendentes também sofreram com isso; os dons iniciais não foram transmitidos a nós, isto é, não herdamos aquela pureza, aquele domínio de si, aquela fortaleza originais.
    Quantas coisas herdamos de nossos pais, avós e antepassados mais distantes ? Muitas, não só físicas, mas também manias, índoles, vícios, taras, etc, etc.
    Mas aí você vai perguntar : "E por quê o 'ser mágico' não fez uma mágica ("abracadabra") e fez que tudo voltasse como era antes ??

    Por que Deus nos criou para sermos livres, e não simples "marionetes" ou "robôs", em que se aperta um botão e ele faz o que a gente quer. Deus nos ama como seus filhos que somos, e não como coisas ou brinquedos.

    o Apóstolo paulo diz, em uma de suas cartas : "Se por um homem (Adão)o pecado entrou no mundo, agora, por um só homem vem a salvação".

    Deus é justo, e assim como Adão rompeu a amizade, agora tudo é reconciliado em Jesus Cristo. O erro de um homem é consertado por outro homem (não com uma varinha de condão ou um controle remoto do próprio criador), mas um homem dotado de todos aqueles dons iniciais que Adão havia perdido por puro orgulho e vaidade: fortaleza, domínio de si, benevolência, sabedoria, piedade, amor, misericórdia, e, acima de tudo, respeito e muito amor à Deus.
    E isso tudo Jesus tem. Ou não ?
    Sózinho o homem não consegue retornar à Deus, porém, Deus veio e tornou-se solidário com o homem em seu sofrimento, e aceitou como justiça a fé em Jesus Cristo, ou seja, aceitou reconciliar o homem em Jesus Cristo. Essa é a Justiça de Deus. Mas é preciso que o homem queira isso.
    O Apóstolo Paulo não era um homem ignorante e sem estudos, pelo contrário, era culto, erudito, formado na escola de Gamaliel; considerado uma das melhores mentes entre os judeus. Pois bem, ele aceitou e entendeu tudo isto, e de perseguidor feroz da igreja primitiva, passou a ser seu maior defensor, um dos maiores cristãos da história.

    ResponderExcluir
  12. Agora, Lineu... quer dizer que eu renego o que é comprovado pela ciência ?
    Você é que renega, Lineu, ... você é que renega.
    Quantas descobertas da ciência eu te mostrei aqui, que vão totalmente contra o quê proclama o ateísmo, e você nem sequer comentou ? Quantas?
    Eu não nego a evolução, mas sim a evolução pela evolução, sem uma inteligência criadora por trás. Mas também acho interessante o argumento dos criacionistas quanto aos outros testes para se verificar a idade da Terra, e você sabe disso porque já te falei lá atrás.

    Só uma observação : Repare bem naqueles caras que estão atrás do Dawkins... eles não te lembram aqueles ditadores do regime comunista ateu, frios e calculistas, prontos a dar um golpe de misericórdia em todos os cristãos, fechando igrejas e torturando e matando padres e religiosos ?

    ResponderExcluir
  13. Fernando, esse seu comentário tem um nome: fé. Fora ela, não sobra nada, nadinha... de novo é a defesa da lenda sem pé nem cabeça do paraiso-maçãzinha-cobrinha-pecado-jesus-salvação. Eu é que te peço: me poupe...

    ResponderExcluir