domingo, 1 de janeiro de 2012

Arquidiocese de Manaus cria Nossa Senhora indígena.



O ridículo da igreja parece não ter limites.
Já não bastando as mais de 80 vossas senhoras espalhadas pelo mundo a criativa arquidiocese católica de Manaus contratou uma designer (?!?) e criou uma nova santa, a "Nossa Senhora Indigena", com olhos pretos e pele parda.
E, suprema bobagem, a tal santa traz no colo (na verdade preso por um pano, à moda das índias) um menino Jesus curumim.

Gostei da originalidade, desta vez nem aparição houve... nada de pastorinhos ou pescadores, nada de grutas ou colinas verdejantes, a santa nasceu sob encomenda mesmo.

Como a igreja usa e abusa do que eu chamo de "autenticidade por antiguidade" uma vez criado o mito basta sentar e esperar o tempo passar, logo vão começar a rezar e fazer pedidos e assim que alguém tiver uma cura inesperada a lenda estará criada.
Em poucos anos haverá uma igreja, uma procissão, venda de quinquilharias, etc.
Exatamente como aconteceu com tantos "santos" católicos cujas histórias foram inventadas, aumentadas, distorcidas ou em muitos casos as três coisas.

18 comentários:

  1. É a igreja e seus jeitinhos. O mais vergonhoso, no entanto, foi ela dar amém a um modelo colonizador que fez de tudo pra exterminar os povos indígenas.

    ResponderExcluir
  2. Bem lembrado... sobre o mesmo assunto leia um post sobre uma tribo da amazonia que nao tem deuses nem religiões e são todos muito felizes.
    Ficar longe da igreja catolica é o melhor que esses indios poderiam fazer.

    ResponderExcluir
  3. Essa foi de uma cara de pau tremenda.
    Mas dá para entender, eles estão perdendo clientes pelo mundo todo e tem que focar nas cabecinhas mais fáceis de manipular, e como o mercado esta cada vez mais competitivo eles estão apelando.
    A igreja católica ficou para traz perante as outras, a universal por exemplo oferece muito mais vantagens aos seus clientes pelo mesmo preço!!! Se eles não apelarem pode ser que uma hora tenha que decretar falência.

    ResponderExcluir
  4. Quando queremos falar de um assunto que não dominamos, e o que é pior, com ares de "sabedoria", tendemos a nos tornar patéticos (autor: euzinho mesmo)

    ô Toninho, "dar amém a um modelo colonizador que fez de tudo pra exterminar os povos indígenas" ??

    Você não sabe nem o que está dizendo. Infelizmente são essas Lendas que se aprendem hoje nas faculdades que a Igreja se empenhou tanto em criar na nossa civilização ocidental. Essa é a visão deformada da Igreja que as faculdades e a mídia passam para vocês, infelizmente, e vocês caem feito patinhos.
    Há uma má vontade explícita contra a Igreja. Suprevalorizam-se os erros de alguns filhos da Igreja e se escondem as grandes luzes que a igreja projetou sobre o mundo desde Jesus Cristo.

    "Ficar longe da Igreja Católica é o melhor que esses índios poderiam fazer".

    É triste ver pessoas cultas serem manipuladas pela mídia e por algumas "aulas" na faculdade, é triste ...

    Maria, mãe de Jesus é uma só. O que damos são títulos à ela. Esta da Amazônia é apenas uma representação, um ícone, uma homenagem para que os índios a compreendam melhor.
    Entrevistado pela RV, o arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Luiz Soares Vieira, ressalta a importância da representação local de Nossa Senhora.

    “Nós pensamos em construir um Santuário mariano aqui na cidade de Manaus, numa região que terá como fundo uma reserva ecológica, uma reserva florestal, um lugar muito bonito, que diz muito respeito à nossa região amazônica. Então se perguntou ao povo que título daríamos a Nossa Senhora. Temos Nossa Senhora de Nazaré, Nossa Senhora da Conceição, que são muito populares entre nós. A resposta foi que seria interessante e muito bonito,além de um gesto de carinho de nossa população, olhar para Maria, Mãe de Jesus, nossa querida mãezinha, e dizer a ela que ela é Nossa Senhora da Amazônia. É um gesto de carinho, naturalmente, mas que diz muito, porque estamos numa região que é importante para o Brasil e para o mundo, mas sobretudo para nós que moramos nesta região. É uma região que está em discussão no mundo inteiro, por causa das mudanças climáticas. É um titulo que diz bastante: Maria, Mãe de Jesus, nossa mãezinha querida, que nos acompanha nesta região, a nós que moramos aqui, nossas florestas, nossas águas, nossos rios, nossos animais, enfim, tudo. É uma proximidade grande trazer Maria entre nós, torná-la ainda mais próxima, fazê-la lembrada por nossa gente”.

    “Foi então lançado um concurso para termos uma imagem que representasse Nossa Senhora da Amazônia. O concurso foi bem atendido pelos artistas e venceu um quadro que é muito bonito: os traços de Nossa Senhora são traços do nosso povo, de nossa região; traços marcantes, indígenas. O menino Jesus também, e Nossa Senhora apoiada na vitória-régia, que é uma das plantas mais bonitas e características que temos em nossa região. É um quadro muito significativo. No dia 26, presidi a missa em uma praça pública em frente ao Teatro de Manaus, e durante essa missa, a artista expôs o que queria dizer com o quadro e eu o apresentei. Fizemos uma oração, e há também uma música de autoria de um compositor daqui de nossa terra; é uma invocação que diz muito respeito a nós e é também muito atual. Quando falamos tanto em mudanças climáticas, temos Nossa Senhora que intercede muito por nós, nesta região marcada pela presença forte da natureza e do povo que esta aqui há séculos. Foi um momento de alegria e acredito que com a construção do Santuário, teremos realmente um lugar de muita devoção mariana, mas ao mesmo tempo voltada para nossa região”.
    Simples assim, não nada de errado ou desonesto nisso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente! O empenho da ICAR em construir um mundo civilizado é enorme. Pena que pessoas que procuram pensar com a própria cabeça atrapalhem estes planos e forcem os sábios cristãos ao longo da história a tomarem atitudes que contrariam seus nobres princípios. Com certeza, Torquemada e a Inquisição foram moleques que se excederam em seus atos na defesa da fé. Tenho certeza que o Vaticano, assim que soube do acontecido, passou-lhes uma severa bronca.

      Excluir
  5. Toninho, esta sua sua afirmação é inteiramente falsa. Muito pelo contrário ! Você, como o Robson, está influenciado por essa mídia que está aí.
    A resposta para você é a mesma que eu acabei de dar pro Robson lá em "Chico Xavier:como explicar"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não lhe parece que, assim como eu e o Robson podemos estar influenciados por uma mídia manipuladora ou aulas dadas por pessoas inescrupulosas, você também pode estar sendo enganado este tempo todo por um livro repleto de lendas, explorado por canalhas que nada mais fazem do que submeter as pessoas aos seus interesses pessoais? Por que a fonte de suas afirmações são inquestionáveis e a dos demais são postas em dúvidas? Quais são as provas que você encontrou para ter estas posições?
      E por último: qual sua versão para a Inquisição? Como se posiciona diante dela? Será que ela foi um ato condenável ou um mal necessário?

      Excluir
  6. fernando! só te deixo a frase dita por dois seminaristas católicos(que tinham um jeitinho meio assim....) diante da imagem de nossa senhora que apareceu no vidro de uma das janelas daquela casa em Itaquaquecetuba!!! e atribuíram essa frase aos romanos!!


    ""O POVO QUER SER ENGANADO?? VAMOS ENGANAR O POVO!!""


    e olha, concordo com o toninho! querendo ou não os jesuítas transmitiram gripe para os índios, e milhões foram exterminados, olha a prova cabal da falta de poder dos jesuítas, já pensou!! as orações dos coitados não conseguiram curar GRIPE??? e a promessa do messias de vocês?? que disse: quem crer em mim fará coisas ainda maiores do que eu fiz!!! fernando! 500 anos se passaram mas você pensa igual ao padre antonio vieria, você tem a certeza de que os negros, que eram perdidos morando na áfrica, tem que agradecer vocês os cristãos que trouxeram mesmo que a força eles pro brasil, onde seriam salvos do inferno. rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs








    """O POVO

    ResponderExcluir
  7. Paulo, quando chegou a Atenas,Ficou assustado com o inúmeras estátuas de deuses; ai ele evangelizou e muitos se converteram ao Deus Verdadeiro.Atos17.15-34

    ResponderExcluir
  8. Robson, se não fossem os Jesuítas e a Igreja, não existiria, hoje, um só indiozinho para contar a história.
    Imagens em vidro ? Estou com eles: "o povo quer ser enganado". E a Igreja não concorda com isso.
    E não queira comparar essas "imagens" em vidros com N. S. de Guadalupe, por exemplo. Há uma IMENSA diferença !

    Anônimo evangélico, sei o que você quis dizer com isso. Há uma grande diferença entre estátuas de "deuses" e imagens de Jesus Cristo, Maria e os santos. Nós não temos Maria ou os santos como nossos deuses, absolutamente. Eles são exemplos de vida, exemplos de seguimento a Jesus Cristo, enfim, exemplos de verdadeiros cristãos; porém, Maria é um caso à parte.
    Não podemos citar textos da bíblia fora de contexto para se encaixarem com nossos pensamentos. Há diversas passagens da bíblia em que Deus MANDA fazer imagens, e muitas.

    Não adoramos imagens, mas adoramos ao Deus vivo e verdadeiro ! Posso te provar isso pela bíblia se você quiser, mas isso não é assunto aqui para o blog do Lineu, seria até uma falta de respeito para com ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os povos das Américas são um perfeito testemunho disto. Quando os europeus por aqui chegaram não encontraram nenhuma vontade da população em optar pela fé cristã. Para que isso fosse possível dizimaram boa parte desta população.

      O bispo Bartolomé de las casas, da ordem de São Domingos, em seu libro ""Brevíssimo relato da destruição das índias"", conta a história de HATUEY, chefe indígena que reuniu seu povo na ilha de cuba, após fugir do atual Haiti. HATUEY e seu povo achavam que o deus dos espanhóis era ouro e jóias, e por isso, no intuito de agrada-los dançaram diante de uma cesta cheia de riquezas. ao perceber que as crueldades contra seu povo não terminavam, jogou tudo o que tinham num lago. Os espanhóis haviam chegado a cuba em 1511, comandados por Diego Velasques, HATUEY, que vivia fugindo, acabou sendo preso e condenado à morte na fogueira. No momento de sua execução, já amarrado ao poste para ser queimado, um padre FRANCISCANO aproximou-se para falar-lhe do deus dos cristãos e da fé CATÓLICA. explicou-lhe o padre que se aceitasse a fé cristã, iria para o céu, caso abjurasse iria para o inferno. O chefe indígena pensou e perguntou se os cristãos que ali estavam também iriam para o céu????????? Tendo o padre confirmado, HATUEY optou em ir para o inferno para que não viesse a estar em companhia de pessoas tão cruéis.

      fernando! parabéns!! que igrejinha linda!! ao olharmos para os 2 mil anos de história dela, enchemos até os olhos de lágrimas, é lógico de ódio.

      Excluir
  9. nsra Uiara (nsra. da Mandioca)? kkk

    ResponderExcluir
  10. Robson, não vai me dizer que você é daqueles que acreditam que os padres ficavam rindo e se deliciando enquanto se queimavam os "hereges" ? Ou que os franciscanos dizimaram os índios ? Qual era o nome deste padre franciscano, hein, Robson ?

    ResponderExcluir
  11. Foi ótimo você tocar no nome de tão brilhante figura, Robson, só assim você fica conhecendo mais um homem da Igreja que lutou pelos pobres.
    D. Frei Bartolomeu de Las Casas, OP, defensor dos índios da recém-“descoberta” América. Trata-se de relacionar temas éticos e jurídicos que Las Casas usa para defender a dignidade dos índios, seus direitos, sua dimensão humana contra visões que tentavam reduzi-los a escravos, como se animais fossem, e por isso passíveis de serem espoliados de sua humanidade, cultura, religião e maneira de se organizarem socialmente.
    Bartolomeu de Las Casas é um dos nomes diante dos quais ninguém permanece indiferente. Amado ou odiado, divide mentes e corações frente às questões da vida e da justiça a serviço dos pobres.
    Se não fosse a Igreja (ainda que tenha havido alguns erros), a coisa teria sido muito pior, muitíssimo pior.
    O professor Léo Moulin, que foi 50 anos docente da Universidade Maçônica de Bruxelas, universidade fundada para fazer frente à Católica de Louvain, era filho de família agnóstica, anticlerical, voltada para o socialismo. Moulin falou como agnóstico, respondendo ao jornalista Vittorio Messori, que o entrevistou. Eis o que declarou:
    O século XIII, vértice da sociedade medieval, é um dos pontos mais altos e luminosos da história do Ocidente ou mesmo da humanidade. Moulin ri do mito dos "séculos obscuros".
    O que é que naquele tempo pode ser comparado aos expurgos e mortes de 100 milhões de homens e mulheres nas ditaduras de Josef Stalin, Mao Tsé-Tung, Fidel Castro (Stéphane Courtois, 2005) ? E atentem os acusadores da Igreja que essas tragédias humanas são do século XX, "ULTRACIVILIZADO", do qual apenas acabamos de sair.
    Durante a guerra civil espanhola, ocorrida entre 1936 e 1939, foram assassinados com requintes de crueldade, fria e maldosamente, pelos republicanos espanhóis, 498 católicos: 24 sacerdotes diocesanos, 462 membros de institutos de vida consagrada, um diácono, um subdiácono, um seminarista e sete leigos, POR SEREM CONTRA O REGIME ATEU, LAICISTA E COMUNISTA que se implantava na Espanha.
    A revista Veja ( número 2033, 07/11/2007 ) em um artigo sobre os mártires espanhóis, trouxe uma foto que mostra padres e freiras assassinados e expostos ao povo em seus caixões. Diz a revista que "Estima-se que 7.000 integrantes da Igreja Católica tenham sido mortos durante a Guerra Civil Espanhola. Na Catalunha e em Valência, padres foram queimados e castrados. Alguns foram enterrados vivos após serem obrigados a abrir suas próprias covas. Outros, depois de assassinados, ficavam expostos a população dentro de seu caixão. Muitas igrejas foram vandalizadas e incendiadas. Em algumas cidades, múmias das catacumbas de conventos foram exumadas".
    Diz ainda a revista que, "entre os republicanos, que fizeram tantos mártires, encontravam-se STALINISTAS, TROTSKISTAS, SOCIALISTAS MODERADOS E DEMOCRATAS LIBERAIS", TODOS ATEUS.
    É lamentável que um acontecimento tão grande como esse, onde um atentado bárbaro à vida de 7.000 católicos, entre bispos, padres, freiras e leigos, tenha tido tão pouca repercussão na mídia. Ao contrário, quando um padre erra, a imprensa faz um estardalhaço tremendo; mas quando 7.000 morrem assassinados de maneira fria e cruel, esta mesma imprensa se cala...
    É a prova inequívoca da discriminação que existe hoje contra a Igreja Católica. Ela continua cada vez mais sozinha na defesa dos verdadeiros valores cristãos e está pronta hoje também a enfrentar novas perseguições.
    Esses dados terríveis parecem não sensibilizar o grande público, a imprensa e muito menos os adversários da Igreja que, principalmente nas universidades, se ocupam em denegrir a imagem da Igreja diante dos alunos, de levantar os seus erros do passado; mas, infelizmente, não têm a honestidade intelectual de mostrar aos jovens tudo o que a Igreja fez de bom para o mundo.

    Essa é a corrente de pensamento a qual você pertence, Robson. Que maravilha, não ? Lindo esse seu ateísmo ... lindo de MORRER ...

    ResponderExcluir
  12. fernando não é pra mim que deves perguntar o nome do padre franciscano!!!! é para o autor do livro!!! bartolomé de las casas. não foi eu, que foi evangelizar o chefe indígena já amarrado na fogueira. fernando! será que no céu os índios cristianizados poderão mostrar a genitália?? ou alguém religioso vai por vestimentas neles, já que esse alguém religioso, lá no fundo sente um tesão desgraçado!!! e é esse alguém religioso o lixo moral. não o índio desnudo.

    ResponderExcluir
  13. fernando já escrevi em outros comentários, e vou escrever sempre que necessário, sinto muito pela morte de padres nos regimes ateus, sinto muito pelos queimados e mortos na sua igreja, oquê você não entende, é!!! que diferença ter deus no coração ou não???? na sua bíblia tem mais sangue do que o notícias populares!!! de que adiantou deus nesse livro??? aonde estava deus quando os padres foram mortos em regimes de homens ateus vingativos??? cadê o seu deus fernando??? vai ser sempre assim??? ele só serve pra mandar mantos sudários?? imagens holográficas de guadalupe?? vai ser sempre assim?? só serve pra mandar fogo e enxofre pra matar viados e putas?? tá na sua cara e você não enxerga?? fernando?? o quê aconteceu com o rei nabucodonosor depois de ver sadraque mesaque e abdenego dentro da fornalha sem queimar um único fio de cabelo?? ele se converteu ao deus dos judeus!! então!! seu deus queimador de putas e viados, perdeu uma grande oportunidade, o quê Stalin,Lênin, iria dizer para os ateus soviéticos, se os padres, não morressem após receber vários tiros?? ou melhor,e se as balas desviassem dos padres?? já imaginou fernando?? hoje sua igreja, estaria em todas as galáxias!! hoje, o lineu, o robyson, o toninho, o galvão, o igor, estariam ao seu lado, na sua igreja. mas que pena né??? mar vermelho, daniel na cova dos leões, davi matar um gigante com estilingue, josué orar e o sol parar, lázaro, o cego de jericó, saulo se transformar em paulo, jesus subir aos céus depois de 3 dias morto, a mãe dele engravidar sem sexo, os milhares de santos católicos, NÃO PASSAM DE CONTOS, NÃO PASSAM DE LENDAS, NÃO PASSAM DE ENGODO, NÃO PASSAM DE ESTORINHA PRA BOI DORMIR. estou esperando fernando seu deus abrir o lago do ibirapuera em dois, ou a lagoa rodrigues de freitas, e não vem me dizendo que deus não faz showzinho só pra eu ver, pois isso vai ser um rit na televisão e na internet, acho que depois disso fernando!! até os muçulmanos vão questionar o deus deles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brilhantes palavras, meu amigo. Assino em baixo de tudo que descreveu em seu texto.

      Excluir
  14. As respostas para o Robson já foram dadas em abundância, em outros posts, inclusive lá no bairro da Liberdade, em São Paulo.

    Robson, será que você consegue repetir essas minhas palvras : SALVE MARIA ! SALVE JESUS ! ?

    ResponderExcluir